Alguns casos tratados como suspeitos para a varíola dos macacos, que avança pelo mundo, também são tratados como possíveis casos de varicela. As duas doenças têm muitas semelhanças, principalmente nos sintomas, que envolvem febre, dor no corpo, dor de cabeça e as características feridas na pele.

Visualmente, pode ser muito difícil diferenciar as duas condições de saúde, principalmente para leigos, mas existem formas de conseguir diferenciar a varíola da varicela. Uma delas é a observação da aparência das bolhas, que tem algumas diferenças sutis, mas perceptíveis.

Entenda o que é varíola

Homem sem camisa com brotoejas avermelhadas
Na varíola dos macacos, as bolhas nascem, crescem, secam e caem em apenas um ciclo.
Crédito: Berkay Ataseven – Shutterstock

A varíola é uma doença viral e contagiosa que é transmitida de pessoa para pessoa após contato próximo entre um paciente infectado e uma pessoa que não tem o vírus. A varíola humana foi erradicada na década de 1980, graças a um esforço de vacinação em massa realizado no mundo inteiro.

O vírus que tem se espalhado atualmente é o monkeypox, que causa a doença que se convencionou chamar de “varíola dos macacos”. Além do contato com pessoas infectadas, é possível que a doença seja transmitida dos animais, que são o repositório do vírus, com humanos, o que é mais raro.

A doença é endêmica na África Central e Ocidental, porém, tem se espalhado para fora do continente africano nas últimas semanas, o que tem preocupado bastante as autoridades de saúde. Contudo, a doença tem uma transmissibilidade relativamente baixa, assim como a taca de mortalidade.

E a varicela?

A varicela é uma doença sazonal e mais comum em crianças. Crédito: Vitalis83/Shutterstock

A varicela, conhecida popularmente como catapora, por sua vez, também é uma doença viral, mas muito mais contagiosa do que a varíola dos macacos. A condição é causada pelo vírus Varicela-Zoster e é muito mais comum em crianças. A doença é sazonal e tem maior incidência durante o inverno.

A transmissão da varicela ocorre de pessoa para pessoa por meio de tosse, espirro e gotículas de saliva. A doença também pode ser transmitida de forma indireta, pelo contato com objetos contaminados, por exemplo.

Como diferenciar

A varíola dos macacos e a varicela têm sintomas relativamente parecidos, com a pessoa infectada apresentando febre, dor no corpo, dor de cabeça. Porém, a principal diferença está na forma como as lesões se apresentam.

Nas duas doenças as lesões surgem como pequenas manchas, viram bolhas e criam uma casca, que cai algum tempo depois. Porém, na varíola dos macacos todas as bolhas nascem de uma vez só e são muito parecidas entre si. Já na catapora, as bolhas não têm um padrão e nascem em diferentes momentos da infecção, com ondas de bolhas nas fases inicial, intermediária e final da doença.

Leia mais:

Porém, apesar dos sintomas serem perceptíveis, é muito importante ir a um médico para que seja feita a avaliação adequada. Além do diagnóstico, um profissional de saúde é quem pode dar o melhor encaminhamento de tratamento medicamentoso para as duas condições.

Via: Diário do Nordeste

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post É varíola ou varicela? Saiba como diferenciar apareceu primeiro em Olhar Digital.