Auto Added by WPeMatico

Um estudo publicado por James Benford, físico da Microwave Sciences em Lafayette, na Califórnia, indica que para pesquisar civilizações extraterrestres é preciso procurar artefatos alienígenas em nosso sistema solar, a começar pela Lua.

Benford argumenta que se um artefato desses está aqui na Terra há muito tempo, ele foi sujeito ao clima, danos, roubo ou deterioração devido aos elementos. Ao longo de milhares ou até milhões de anos, eles provavelmente não serão descobertos, enquanto podem estar melhor preservados em algum lugar como a Lua.

O cientista também observou que o Lunar Reconnaissance Orbiter da Nasa tirou cerca de 2 milhões de fotos da Lua desde 2009 com resolução de cerca de 30 centímetros. Isso dá para ver as pegadas de Neil Armstrong na Lua, mas apenas algumas fotos foram inspecionadas por olhos humanos. Benford também quer usar a inteligência artificial para procurar estruturas, sinais de artificialidade, em um processo de arqueologia.

Saiba mais detalhes desse estudo no olhardigital.com.br e fique por dentro!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal! 

O post Arqueologia lunar: Estudo sugere a busca por sinais de vida extraterrestre na Lua apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Nasa anunciou mais detalhes sobre o problema que causou o adiamento do primeiro voo do helicóptero Ingenuity em Marte, e adiantou os passos que estão sendo tomados para fazer as correções.

Segundo a agência, um problema na execução de uma sequência de comandos foi encontrado durante o teste de rotação de alta velocidade do aparelho na última sexta-feira.

Durante o fim de semana, a equipe testou várias soluções para o problema, e concluiu que pequenas modificações e a reinstalação do software de controle de voo da Ingenuity são o melhor caminho a seguir.

As modificações estão sendo revisadas e validadas de forma independente em bancos de teste no Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa.

Embora a atualização de software seja algo relativamente simples, a validação e o processo de envio e para o Ingenuity vai levar alguns dias.

A agência espacial norte americana deve definir uma nova data para o primeiro voo na próxima semana. A gente, claro, fica de olho!!

 Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Voo adiado: Nasa vai fazer atualização de software do helicóptero Ingenuity que está parado em Marte apareceu primeiro em Olhar Digital.

Cerca de 500 drones iluminados decolaram na cidade de Veliky Novgorod, na Rússia. Eles desenharam a espaçonave Vostok 1, que levou o cosmonauta Yuri Gagarin até a órbita da Terra em 1961. O show de luzes é apenas uma das atrações previstas pelo governo russo.

A agência espacial russa pretende pousar um astronauta na Lua até 2030. Já os norte-americanos pretendem chegar mais cedo, com o pouso da missão Artemis III atualmente previsto para 2024.

Enquanto a tradicional disputa pelo espaço continua entre os dois países, a gente aproveita para ver belas imagens.

 Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Show de luzes na Rússia: Drones desenham foguete que levou o primeiro homem até a órbita da Terra apareceu primeiro em Olhar Digital.

Os Emirados Árabes Unidos anunciaram nesta segunda-feira, que dois novos astronautas foram selecionados para participar do programa espacial do país. A escolha histórica é Nora AlMatrooshi, a primeira mulher a participar do programa da nação árabe. O outro escolhido é Mohammad AlMulla, piloto de treinamento da polícia de Dubai.. Eles foram selecionados entre mais de 4 mil candidatos.

AlMatrooshi é engenheira mecânica, e trabalhava para a National Petroleum Construction Company.

Eles se juntaram a Hazzaa AlMansoori e Sultan AlNeyadi, que entraram para o programa espacial dos Emirados Arabes em 2018.

Agora, os novos astronautas vão receber treinamento junto com uma nova turma de astronautas da Nasa, que será anunciada ainda neste ano.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Uma árabe no espaço: Emirados Árabes Unidos faz escolha histórica para equipe de astronautas apareceu primeiro em Olhar Digital.

O primeiro voo do Ingenuity, helicóptero da Nasa na superfície de Marte, está próxima. A Nasa programou um evento online para as 4 e meia da manhã no horário de Brasília da próxima segunda-feira. O voo vai ser transmitido pelo canal Nasa TV no YouTube.

A tentativa de voo em si deve ocorrer ainda no dia 11, domingo. O atraso é devido ao tempo necessário para transmissão dos dados de Marte para a Terra e o processamento das imagens. Atualmente o sinal de rádio emitido pelo Perseverance, que vai acompanhar o voo, leva um pouco mais de 15 minutos para chegar até nós.

Se tudo correr como programado, durante o evento veremos os engenheiros analisando os primeiros dados de voo e, provavelmente, teremos fotos do experimento. Ainda não se sabe se haverá vídeo gravado pelo rover.

A Nasa já confirmou sucesso no teste das hélices do Ingenuity, que giraram a 50 rotações por minuto. E esse é apenas um dos muitos procedimentos de checagem que estão sendo realizados para garantir que o voo ocorra.

O helicóptero deve decolar, subir a três metros de altura, pairar por 30 segundos e pousar.

A equipe de engenharia do helicóptero tem 30 dias marcianos para realizar cinco voos de teste.

Se o Ingenuity funcionar como esperado, as futuras missões a Marte devem incluir helicópteros autônomos como instrumentos de rotina. Eles podem fazer reconhecimento de terreno ou mesmo ser usados como exploradores individuais.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Voo histórico: Ingenuity deve decolar em Marte na madrugada da segunda-feira apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Administração Espacial Nacional da China, divulgou nesta quarta-feira que teve reuniões com a Nasa entre janeiro e março deste ano. Considerando os históricos desacordos entre as duas potências, essa cooperação espacial é um evento raro.

O objetivo seria trocar informações para assegurar a segurança de voo das naves em Marte.

Em fevereiro deste ano, três novas missões chegaram ao planeta: Tianwen-1 da China; Hope, dos Emirados Árabes; e Mars 2020 da Nasa, com o rover Perseverance. O rover Curiosity, que a Nasa lançou em 2011, também está em operação.

Já a nave chinesa é composta por um orbitador que está girando em torno do planeta para captar imagens de alta definição, um módulo para pouso e também um rover que deve “aterrissar” no planeta em maio.

A mais simples das três missões é a Hope. É uma sonda em órbita que estuda a atmosfera e capta imagens de alta resolução do disco inteiro do planeta.

E não é só isso: Há mais seis orbitadores em operação: Mars Odyssey, MAVEN e Mars Reconnaissance Orbiter, da Nasa; Mars Express e ExoMars Trace Gas Orbiter, da agência espacial europeia; Mars Orbiter Mission, da Índia.

Para completar o tráfego marciano, existem ainda outros oito satélites antigos dos Estados Unidos e da Rússia, que perderam comunicação com a Terra mas continuam por lá como lixo espacial….

O post Congestionamento em Marte? EUA, China e EAU “trocam figurinhas” para evitar acidentes no planeta vermelho apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Nasa começou no último fim de semana o “desembarque” do helicóptero Ingenuity, que foi levado até a superfície de Marte a bordo do rover Perseverance. O processo, que está sendo conduzido cuidadosamente, é parte dos preparativos para o primeiro voo de uma aeronave na superfície de outro planeta, que pode acontecer já na próxima semana.

A sequência de operações deve levar cerca de seis dias, e está sendo realizada com extremo cuidado. “Assim que começarmos o desembarque, não há como voltar atrás”, disse Farah Alibay, líder de integração do helicóptero com o Perseverance.

“Todas as atividades são cuidadosamente coordenadas, irreversíveis, e dependem uma da outra. Se houver o menor sinal de que algo não está ocorrendo como esperado, podemos decidir aguardar um sol (nome dado ao dia marciano) ou mais até termos uma melhor ideia do que está acontecendo”.

O processo começou com a liberação de uma trava que mantinha o helicóptero preso à “barriga” do rover. A seguir um dispositivo pirotécnico foi acionado, cortando um cabo para permitir que o Ingenuity seja rotacinado para a posição vertical. 

Nesta terça-feira todas as pernas do helicóptero foram esticadas. Ele se mantém suspenso no ar, conectado ao rover apenas por um parafuso e alguns conectores elétricos. Antes de ser liberado, suas baterias serão recarregadas usando o gerador termoelétrico a bordo do rover.

Quando a carga estiver completa, as últimas conexões serão desfeitas e o helicóptero será depositado sobre o solo marciano. O primeiro de cinco voos, que terão de ser realizados ao longo de 30 dias, poderá ocorrer já no início da próxima semana. Ele deve ser simples: uma decolagem vertical, subida a 3 metros de altitude, 30 segundos pairando no ar e um pouso. Todos os testes serão fotografados e filmados pelo Perseverance.

Ingenuity é uma “prova de conceito”

Vale lembrar que o Ingenuity é puramente uma prova de conceito: “O Ingenuity é um teste experimental de engenharia – queremos ver se podemos voar em Marte”, disse MiMi Aung, gerente de projeto do Ingenuity no JPL.

“Não há instrumentos científicos a bordo e nem metas de obtenção de informações científicas. Estamos confiantes que todos os dados de engenharia que desejamos obter na superfície de Marte e no alto podem ser obtidos dentro dessa janela de 30 sóis”.

Leia mais:

A equipe compara o voo do Ingenuity com o primeiro voo dos irmãos Wright, que nos EUA são considerados os pais da aviação, em 17 de dezembro de 1903. Para reforçar a conexão, o Ingenuity leva consigo, enrolado em um cabo, um pedaço da lona usada para revestir o “Wright Flyer”, aeronave que realizou o feito. 

Não é a primeira vez que um artefato da história da aviação vai ao espaço. Um outro pedaço da lona do Wright Flyer, bem como uma lasca da madeira usada como suporte de uma das asas, foram levados à Lua e depois voltaram à Terra na missão Apollo 11, em 1969. 

Fonte: SpaceFlightNow

O post Ingenuity: Nasa começa desembarque de helicóptero em Marte apareceu primeiro em Olhar Digital.