Auto Added by WPeMatico

A estreia de ‘Doutor Estranho 2’ tem gerado muita curiosidade nos fãs sobre o que está por vir, principalmente por conta dos novos personagens. E para a expectativa de muitos, um novo capítulo do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) já tem nome: ‘Ms. Marvel’.

A jovem heroína será bem diferente das últimas histórias que vimos tanto no streaming e nos cinemas, numa pegava mais leve. A nova série chega ao Disney+ já no próximo dia 8 de junho com dramas adolescente e sonhos querendo se tornar realidade.

A abordagem mais teen foi o que fez a personagem ser um verdadeiro sucesso nos quadrinhos, sendo até considerada o novo ‘Homem-Aranha’. Já no primeiro trailer oficial, é possível perceber que uma nova geração sai dos quadrinhas para ganhar vida nas telonas.

Mas quem é ‘Ms. Marvel’? Criada em 2014 por Sana Amanat, G. Willow Wilson, Stephen Wacker, Adrian Alphona e Jamie McKelvie, Kamala Khan estreou na HQ Capitã Marvel #14 em 2013. O enredo apresenta uma adolescente muçulmana fã de heróis que desenvolve poderes após descobrir ter parte de DNA inumano.

Com isso, a garota ganha a capacidade de mudar a forma do seu corpo – o que lhe fornece poderes elásticos, além de poder mudar até mesmo sua aparência quando necessário. Mais tarde, como alter ego, ela adotou o nome de ‘Ms. Marvel’ em homenagem à Capitã Marvel (Carol Danvers, interpretada por Brie Larson), de quem é superfã. 

Além disso, ‘Ms. Marvel’ deve se aproveitar ainda da expansão sem medidas do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) e se juntar à Capitã Marvel na próxima sequência da heroína: “Capitã Marvel: The Marvels”.

Leia mais!

“Ms. Marvel” ganha primeiro trailer, pôster e data de lançamento; confira. Imagem: Divulgação/Marvel Studios

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Já conheceu a Ms. Marvel? Veja quando a séria chega ao Disney+ apareceu primeiro em Olhar Digital.

Hwang Dong-hyuk, criador de “Round 6“, está com o projeto de um novo filme em andamento, além de a 2ª temporada da série.

O diretor tem no currículo sucessos de bilheteria sul-coreana como “Velha é a Vovozinha” e “Nas Muralhas da Fortaleza”, ambos disponíveis na Netflix. O filme em que Dong-hyuk está trabalhando no momento se chama “Killing Old People Club”.

“Será mais violento que ‘Round 6’,” afirmou o diretor em entrevista à Variety, que ainda disse que o novo filme provavelmente será “outro filme controverso” e que pode ter que se esconder de pessoas idosas após o lançamento da produção. “Killing Old People Club” é baseado em um romance italiano do filósofo e escritor Umberto Eco.

Apesar de não ter planos iniciais de criar uma continuação, Dong-hyuk está retornando à Coreia do Sul para escrever a 2ª temporada da série a pedido da Netflix, dado o sucesso gigantesco da produção. O suspense de sobrevivência se tornou a série mais assistida da história da Netflix, ultrapassando 1.65 bilhões de horas de streaming apenas 28 dias após o lançamento, em setembro de 2021.

Leia mais!

Recentemente, Steven Spielberg ofereceu elogios à série durante a cerimônia do Prêmio do Sindicato de Produtores da América. “Há muito tempo, eram as estrelas domésticas que traziam a audiência aos filmes. Hoje, é interessante. Pessoas desconhecidas podem estrelar uma minissérie inteira, podem estar em filmes”, afirmou o diretor, elogiando pela mudança para melhor na indústria cinematográfica e da TV.

A 2ª temporada de “Round 6” é esperada para um lançamento na Netflix em 2024. Já “Killing Old People Club” ainda não possui uma data de lançamento estabelecida.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Criador de “Round 6” está fazendo um filme “mais violento” que a série apareceu primeiro em Olhar Digital.

Após o sucesso da Parte 1, “Duna: Parte 2″ está em pré-produção e prestes de adicionar um grande nome: Florence Pugh está em negociações para se juntar ao elenco do filme.

A informação é da Deadline, que informou que, embora não esteja confirmado, ela deverá interpretar a Princesa Irulan Corrino, filha meis velha do Imperador Shaddam Corrino IV.

Se Pugh de fato assumir o papel, se juntará a um elenco que inclui Timothée Chalamet, Rebecca Ferguson, Zendaya e Josh Brolin. Denis Villeneuve voltará ao filme como produtor, diretor e co-roteirista.

Deste modo, é esperado que a produção se inicie no final de setembro deste ano, com estreia prevista para 20 de outubro de 2023.

“Duna: Parte 1” estreou simultaneamente nos cinemas e na HBO Max, mas mesmo assim superou expectativas e arrecadou US$ 400 milhões em bilheteria global, com US$ 108 milhões nos Estados Unidos e US$ 41 milhões no fim de semana de estreia. Além disso, “Duna: Parte 1” recebeu 9 indicações ao Oscar 2022, o que inclui a categoria máxima de Melhor Filme.

Leia mais!

A atriz Florence Pugh já recebeu uma indicação ao Oscar em 2020 por “Adoráveis Mulheres”, onde contracenou com o protagonista de “Duna”, Timothée Chalamet. Ela recentemente entrou para o Universo Cinematográfico da Marvel no filme “Viúva Negra” e na série “Gavião Arqueiro”, como um Yelena Romanoff.

Além disso, Pugh está em meio a filmagens de “Oppenheimer”, futuro filme de Christopher Nolan, que também inclui estrelas como Cillian Murphy, Emily Blunt, Matt Damon e Robert Downey Jr.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post “Duna: Parte 2”: Florence Pugh perto de assumir papel de Princesa Irulan apareceu primeiro em Olhar Digital.

Anunciado em 2020, o aguardado filme espacial de Tom Cruise teve alguns detalhes divulgados pela revista Variety nesta semana. De acordo com a publicação, a produtora britânica SEE (Space Entertainment Enterprise) planeja gravar algumas cenas do longa na Estação Espacial Internacional e outras “adicionais” dentro de um foguete.

O mais surpreendente, porém, é que o novo longa não deve ser um filme de ficção científica e, sim, uma trama de ação e aventura. Segundo a revista, Tom Cruise interpretaria no filme um “homem sem sorte que se encontra na posição de ser a única pessoa capaz de salvar a Terra”.

Ainda segundo a Variety, a Universal Pictures, estúdio responsável pela captação do filme, ainda não recebeu o roteiro para as gravações. O estúdio espera, no entanto, começar as filmagens em 2023 — provavelmente o próximo projeto na fila de Cruise depois da conclusão de ‘Missão: Impossível 8’.

Leia mais:

Equipe técnica

Fora o ator de Nova York, o filme, que ainda não tem nome nem lançamento definido, terá em seu time técnico o diretor Doug Liman e o roteirista Christopher McQuarrie.

Liman, que tem no currículo obras como a trilogia Bourne e a série ‘O.C.’: Um Estranho no Paraíso’, trabalhou com Cruise em ‘No Limite do Amanhã’ (2014). Já McQuarrie foi o diretor e roteirista dos últimos dois filmes da franquia ‘Missão Impossível’, além de ser parceiro de produção do ator no novo ‘Top Gun: Maverick’.

O novo filme de Tom Cruise também deve contar com colaborações de SpaceX e Nasa, embora desde 2020, não haja informações sobre como as empresas participariam do longa.

Via Variety

Imagem: Claudio Bottoni/Shutterstock

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Produtora quer gravar filme de Tom Cruise na Estação Espacial Internacional apareceu primeiro em Olhar Digital.

Nesta sexta-feira (14), a Globo anunciou os participantes da vigésima segunda edição do Big Brother Brasil nos intervalos durante a programação. Se você é fã de programas do estilo BBB, também pode gostar de assistir a alguns filmes que abordam a temática.

O Olhar Digital selecionou 8 filmes sobre reality show disponíveis nas mais variadas plataformas de serviço de streaming.

Lista de 8 filmes sobre reality shows

Nerve: um jogo sem regras

Lançado em 2016, o filme conta a história de Vee DeMarco (Emma Roberts), uma garota tímida comum, prestes a sair do ensino médio e ir para a faculdade. Após uma discussão com sua até então amiga Sydney (Emily Meade), Vee resolve decide se inscrever no Nerve, um jogo online onde as pessoas precisam executar tarefas ordenadas pelos próprios participantes. 

‘Nerve’ é protagonizado por Emma Roberts — Foto: Reprodução

Nerve é dividido entre observadores e jogadores, sendo que os primeiros decidem as tarefas a serem realizadas e os demais as executam (ou não). Logo em seu primeiro desafio, Vee conhece Ian (Dave Franco), um jogador de passado obscuro. Juntos, eles logo caem nas graças dos observadores, que passam a enviar cada vez mais tarefas para o casal em potencial.

Disponível na Netflix.

O Show de Truman

Estrelado por Jim Carrey, o filme de 1998 aborda a história de Truman Burbank, um pacato vendedor de seguros que leva um vida simples com sua esposa Meryl (Laura Linney). 

Jim Carrey tem a vida monitorada durante 24h por dia em “O Show de Truman”. Imagem: Amazon Prime Video

No entanto, algumas coisas ao seu redor fazem com que ele passe a estranhar sua cidade, seus supostos amigos e até sua mulher. Após conhecer a misteriosa Lauren (Natascha McElhone), ele fica intrigado e acaba descobrindo que toda sua vida foi monitorada por câmeras e transmitida em rede nacional.

Disponível na Netflix.

Jogador nº 1

Em 2018, Steven Spielberg dirigiu o longa que se passa no ano de 2044, um futuro distópico, em que Wade Watts (Tye Sheridan), como o resto da humanidade, prefere a realidade virtual do jogo OASIS ao mundo real. 

Longa de Steven Spielberg se passa em 2044. Imagem: Amazon Prime Video

Quando o criador do jogo, o excêntrico James Halliday (Mark Rylance) morre, os jogadores devem descobrir a chave de um quebra-cabeça diabólico para conquistar sua fortuna inestimável. Para vencer, porém, Watts terá de abandonar a existência virtual e ceder a uma vida de amor e realidade da qual sempre tentou fugir.

Disponível na Amazon Prime Video.

EDTv

Em uma tentativa de melhorar a audiência, um canal a cabo decide documentar o cotidiano da vida de alguém e transmiti-lo ao vivo como um programa de televisão. Esse é o roteiro do filme lançado em 1999, que conta a história do sortudo Ed Pekurny (Matthew McConaughey), o atendente de uma videolocadora escolhido como cobaia. Mas, as complicações acabam sendo inevitáveis, e a vida pessoal de Ed com sua namorada e seu irmão fica tensa.

Ed passa por situações complicadas ao aceitar participar de um programa de TV. Imagem: Reprodução

Disponível na Claro Vídeo.

Jogos Vorazes

Quando se fala em filmes sobre reality shows, não se pode deixar de fora a série Jogos Vorazes, cuja primeira produção foi lançada em 2012. Na história que dá início à saga, em um futuro distante, boa parte da população é controlada por um regime totalitário, que relembra esse domínio realizando um evento anual – e mortal – entre os 12 distritos sob sua tutela. 

Katniss Everdeen, a protagonista vivida por Jennifer Lawrence, participa de um reality show macabro para salvar sua irmã caçula. Imagem: Reprodução

Para salvar sua irmã caçula, a jovem Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) se oferece como voluntária para representar seu distrito na competição e acaba contando com a companhia de Peeta Melark (Josh Hutcherson), desafiando não só o sistema dominante, mas também a força dos outros oponentes.

Disponível no Amazon Prime Video.

O Segredo da Cabana

Lançado em 2011, o suspense conta a história da jovem Jules (Anna Hutchinson), que resolve levar seus amigos Curt (Chris Hemsworth), Dana (Kristen Connolly), Holden (Jesse Williams) e Ronald (Tom Lenk) para uma viagem diferente nas montanhas, numa cabana situada no meio da floresta, isolada de tudo. 

Uma aventura entre amigos termina mal em “O Segredo da Cabana”. Imagem: Reprodução

No entanto, o que era para ser somente um momento de muita curtição entre a turma, acaba se transformando em algo que suas mentes jamais imaginariam.

Disponível na Netflix.

O Reality Show

Este longa de 2021 conta a história de Camilo Mallarino (Alejandro Gonzalez), um jovem sem talento que deseja ser cantor. Para vencer um concurso musical, ele se passa por cego e pobre. Entretanto, com a fama batendo em sua porta, até quando ele conseguirá manter as aparências?

“O reality Show” trata de um programa de competição musical. Imagem: Amazon Prime Video

Disponível na Amazon Prime Video.

Reality da Morte

Nesta produção de 2011, seis jovens são sequestrados para participar de um novo reality show. No programa, os jogadores devem cumprir missões aterrorizantes em uma prisão abandonada, para ganhar um grande prêmio em dinheiro. 

Imagem: Amazon Prime Video

No entanto, alguma coisa diabólica está acontecendo nos bastidores, e os participantes não conseguem mais distinguir se tudo faz parte do jogo ou se estão diante de algo sobrenatural, virando vítimas de espíritos do mal.

Disponível na Amazon Prime Video.

*Com informações do portal Adorocinema.com.

BBB 22 começa na próxima segunda-feira (17)

Como o Olhar Digital já anunciou, falta pouco tempo para a casa mais vigiada do Brasil ganhar novos moradores: o BBB 22 começa na próxima segunda-feira (17). Além dos participantes do programa, algumas novidades já foram anunciadas, incluindo o novo apresentador: Tadeu Schmidt.

Assim como acontece desde a vigésima edição, o reality show terá, entre seus participantes, uma mistura de famosos com anônimos. Ou seja, tanto nomes conhecidos do público por serem artistas ou influenciadores digitais estarão confinados na casa do BBB 22, quanto pessoas desconhecidas em busca da fama a partir da participação no programa. 

Como ocorre desde a primeira edição do reality, o BBB 22 terá um resumo transmitido todos os dias na TV Globo, além da exibição da formação do paredão e da eliminação de participantes no início de cada semana. Na TV paga, o Multishow também seguirá com a transmissão de uma parcela do reality show.

Para aqueles que não querem perder nenhum detalhe do que acontece na casa, a opção é assinar o Globoplay para acompanhar o Big Brother 24 horas por dia.

Também é possível fazer a assinatura do pay-per-view do BBB 22 diretamente pela sua operadora de TV paga.

Caso o usuário escolha assinar pelo serviço de streaming da Globo, o valor cobrado começa em R$ 22,90 no plano mensal, ou R$ 19,90 na oferta anual (R$ 238,80 dividido em 12x) – nesse caso, além do BBB 24 horas por dia, o assinante também tem acesso ao catálogo de filmes, séries e documentários disponibilizados no Globoplay.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post No embalo do BBB, descubra 8 filmes sobre reality shows para assistir no streaming apareceu primeiro em Olhar Digital.

Simu Liu, o ator que viveu o personagem titular no filme Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, negou rumores de que ele irá aparecer em “Doutor Estranho 2” (oficialmente intitulado Doutor Estranho no Multiverso da Loucura), próximo filme da franquia estrelada por Benedict Cumberbatch.

A informação foi confirmada pelo próprio ator, durante participação do quadro “Actually Me” da revista norte-americana GQ para o YouTube. Ao final do vídeo – incorporado abaixo -, Liu entra no Reddit com sua identidade oficial para responder a perguntas dos fãs.

Leia também

“Mesmo se eu estivesse nesse filme – o que eu não estou -, não há a menor possibilidade de que eu admita isso em voz alta”, disse Simu Liu, sobre a suposta participação de Shang-Chi em “Doutor Estranho 2”. “É tudo o que posso dizer, certo?”

Os rumores não são totalmente sem fundamento para quem assistiu à cena pós-créditos de Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis, que vamos evitar descrever aqui para evitarmos os famigerados spoilers. Considerando o seu tom, digamos, bastante evidente, não é de se culpar os fãs sobre uma potencial participação do personagem conhecido como “Mestre do Kung Fu”.

Mais além, o filme estrelado por Liu fez tanto sucesso que não apenas uma sequência já foi confirmada, novamente com direção de Destin Daniel Cretton, como o próprio Cretton já veio a público dizer que 1) ele gostaria de ter Jackie Chan no segundo filme; e 2) ele também está começando a conceitualizar uma série que teoricamente terá relação com a franquia de Shang-Chi, ainda que não tenha fornecido detalhes sobre isso.

Considerando a rápida expansão do personagem para outros meios – e a tendência da Marvel de criar crossovers entre vários personagens dentro do seu universo cinematográfico (MCU) -, há quem pudesse pensar que Simu Liu se juntaria ao elenco já majestoso do próximo filme de Benedict Cumberbatch: além do próprio Doutor Estranho, o filme também contará com Wanda Maximoff/Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), além de Wong (vivido por…bem, Benedict Wong) e Mordo (vivido por Chiwetel Ejiofor).

De um lado, a informação pode servir para o próprio Simu Liu ter um pouco de espaço, já que ele próprio já vinha pedindo a fãs, nas últimas semanas, que parassem de questioná-lo sobre sua presença em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

Por outro, ele admite que, se estivesse no filme, ele não poderia admitir isso antes que a Marvel/Disney fizesse essa divulgação. Convenhamos, o título de “rei das divulgações não autorizadas” está dividido entre Tom Holland (Homem-Aranha) e Mark Ruffalo (o Hulk).

Pelo sim ou pelo não, ainda teremos um tempinho antes de descobrirmos se Liu está mentindo: Doutor Estranho no Multiverso da Loucura tem previsão de estreia prevista para 5 de maio de 2022.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Shang-Chi não vai aparecer em ‘Doutor Estranho 2’, diz ator apareceu primeiro em Olhar Digital.

O filme Morbius, próxima produção do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU), teve sua duração revelada pela administradora de cinemas Cinemark, que disse que o longa-metragem estrelado por Jared Leto (Esquadrão Suicida; Liga da Justiça de Zack Snyder) terá rodagem de 108 minutos – ou uma hora e quarenta e oito minutos.

Comparativamente, Morbius será, então, mais longo que Venom: Tempo de Carnificina, porém ele será bem mais curto que Homem-Aranha: Sem Caminho Para Casa.

Leia também

O personagem titular, o Dr. Michael Morbius, é um médico especializado em doenças sanguíneas, que sofre de uma rara doença genética para a qual ele encontra uma cura. O custo disso, porém, é ele sucumbir a uma forma de vampirismo. Por essa razão, ele é normalmente visto em histórias que envolve Blade, o caçador de vampiros (que, aliás, terá um filme próprio, protagonizado por Mahershala Ali, e já até apareceu em um filme recente da Marvel), além do próprio Homem-Aranha.

A notícia do tempo de duração do filme pegou alguns fãs de surpresa – e não de um jeito favorável: assim como Guardiões da Galáxia, Morbius é parte de um panteão de personagens da Marvel que não gozam da mesma popularidade de, digamos, Homem-Aranha, Capitão América ou Homem de Ferro. Entretanto, o primeiro filme do grupo de aventureiros espaciais tinha um pouquinho mais de duas horas de duração, o que foi suficiente para que o público se interessasse pela marca (e garantisse outras duas sequências, fora as participações em outros filmes).

Morbius está na mesma categoria – a de um personagem “novo” a ser introduzido a um público que não o conhece. Mas em pouco mais de uma hora de filme, há quem tema que o tempo não seja suficiente para explorar o personagem com o devido detalhe. Convenhamos, Shang Chi e a Lenda dos Dez Anéis passou de duas horas e vinte minutos – e veja o sucesso que isso trouxe.

Há também quem encare isso como a forma que a Marvel tenha encontrado para derrubar algumas especulações: rumores afirmavam que Morbius, no filme, encontraria diversos personagens já estabelecidos do MCU (alguns falavam no próprio Homem-Aranha, outros apontavam para Blade, e ainda houve quem mencionasse Venom). Um filme com crossovers notáveis dessa categoria certamente precisaria de mais tempo para que a ideia fosse bem trabalhada nas telonas.

Vale lembrar, porém, que o trailer mais recente do filme mostra claramente uma versão do Clarim Diário, o jornal onde Peter Parker, alter ego do Homem-Aranha, trabalhou durante anos nos quadrinhos.

Por outro lado, o tempo mais curto pode permitir que a Marvel se concentre mais em desenvolver o personagem titular, deixando o enredo do filme em segundo plano. Em tese, isso ajudaria a empresa subsidiária da Disney a criar um pano de fundo que o inserisse noutros filmes – vide o próprio Blade. Nos quadrinhos, Morbius fez sua estreia como vilão, aos poucos progredindo para o papel de anti herói e até ajudando outros personagens a praticarem o bem. Está aí uma ideia que pode ser progredida, talvez?

De qualquer forma, não teremos que esperar muito tempo: Morbius tem estreia marcada para 28 de janeiro de 2022, nos cinemas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Nem duas horinhas? ‘Morbius’, próximo filme do MCU, tem duração revelada por empresa apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas divulgou a lista de pré-indicados ao Oscar de 2022 em dez categorias, incluindo Filme Internacional, Trilha Sonora e Canção Original.

Em seguida, será dado início ao processo de votação dos indicados, entre os dias 27 de janeiro e 1º de fevereiro. Os indicados em todas as categorias serão conhecidos no dia 8 de fevereiro e a grande cerimônia será realizada no dia 27 de março.

O drama “Deserto Particular”, representante brasileiro inscrito para concorrer à categoria de Melhor Filme Internacional, não conseguiu um lugar entre os 15 pré-indicados ao prêmio e está fora da disputa. Apenas “Reze Pelas Mulheres Roubadas” (Noche de fuego), do México e “Plaza Catedral”, do Panamá, representam o continente na categoria. O longa francês “Titane” é considerado um dos maiores esnobados ao não aparecer no top 15.

No entanto, o Brasil tem motivos para comemorar: o Curta-Metragem em Live Action “Seiva Bruta” (com título em inglês “Under The Heavens”) conseguiu vaga entre os 15 melhores do ano e tem chances de chegar à premiação.

A categoria de Melhor Canção Original segue disputada como sempre, com grandes nomes da música como as cantoras Beyoncé (King Richard: Criando Campeãs) e Billie Eilish (007 – Sem Tempo Para Morrer), que ainda viu seu nome por uma segunda vez na lista, com o documentário “Billie Eilish: The World’s a Little Blurry”.

No campo dos Efeitos Especiais, a Marvel marca presença em quatro dos dez pré-indicados, com “Viúva Negra”, “Eternos”, “Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis” e “Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa”.

O épico “Duna” apareceu quatro vezes na lista, nas categorias de Melhor Cabelo e Maquiagem, Trilha Sonora, Som e Efeitos Especiais.

Confira a lista de pré-indicados ao Oscar em 10 categorias:

Filme Internacional

  • Great Freedom (Áustria)
  • Playground (Bélgica)
  • Lunana: A Yak in the Classroom (Butão)
  • Flee (Dinamarca)
  • Compartment No. 6 (Finlândia)
  • I’m Your Man (Alemanha)
  • Lamb (Islândia)
  • A Hero (Irã)
  • A Mão de Deus (Itália)
  • Drive My Car (Japão)
  • Hive (Kosovo)
  • Noche de fuego (México)
  • The Worst Person in the World (Noruega)
  • Plaza Catedral (Panamá)
  • The Good Boss (Espanha)

Documentário em Longa-Metragem

  • Ascension
  • Attica
  • Billie Eilish: The World’s a Little Blurry
  • Faya Dayi
  • The First Wave
  • Flee
  • In the Same Breath
  • Julia
  • President
  • Procession
  • The Rescue
  • Simple as Water
  • Summer of Soul (…Or, When the Revolution Could Not Be Televised)
  • The Velvet Underground
  • Writing with Fire

Documentário em Curta-Metragem

  • Águilas
  • Audible
  • A Broken House
  • Camp Confidential: America’s Secret Nazis
  • Coded: The Hidden Love of J. C. Leyendecker
  • Day of Rage
  • The Facility
  • Lead Me Home
  • Lynching Postcards: “Token of a Great Day”
  • The Queen of Basketball
  • Sophie & the Baron
  • Takeover
  • Terror Contagion
  • Three Songs for Benazir
  • When We Were Bullies

Cabelo e Maquiagem

  • Um Príncipe em Nova York 2
  • Cruella
  • Cyrano
  • Duna
  • The Eyes of Tammy Faye
  • Casa Gucci
  • O Beco do Pesadelo
  • 007 – Sem Tempo Para Morrer
  • O Esquadrão Suicida
  • Amor, Sublime Amor

Trilha Sonora

  • Being the Ricardos
  • Candyman
  • Não Olhe Para Cima
  • Duna
  • Encanto
  • A Crônica Francesa
  • The Green Knight
  • Vingança & Castigo
  • King Richard: Criando Campeãs
  • O Último Duelo
  • 007 – Sem Tempo Para Morrer
  • Madres Paralelas
  • Ataque dos Cães
  • Spencer
  • The Tragedy of Macbeth

Canção Original

  • “So May We Start?” (Annette)
  • “Down To Joy” (Belfast)
  • “Right Where I Belong” (Brian Wilson: Long Promised Road)
  • “Automatic Woman” (Ferida)
  • “Dream Girl” (Cinderella)
  • “Beyond The Shore” (No Ritmo do Coração)
  • “The Anonymous Ones” (Querido Evan Hansen)
  • “Just Look Up” (Não Olhe Para Cima)
  • “Dos Oruguitas” (Encanto)
  • “Somehow You Do” (Four Good Days)
  • “Guns Go Bang” (Vingança & Castigo)
  • “Be Alive” (King Richard: Criando Campeãs)
  • “No Time To Die” (007 – Sem Tempo Para Morrer)
  • “Here I Am (Singing My Way Home)” (Respect)
  • “Your Song Saved My Life” (Sing 2)

Curta-Metragem de Animação

  • Affairs of the Art
  • Angakusajaujuq: The Shaman’s Apprentice
  • Bad Seeds
  • Bestia
  • Boxballet
  • Flowing Home
  • Mum Is Pouring Rain
  • The Musician
  • Namoo
  • Only a Child
  • Robin Robin
  • Souvenir Souvenir
  • Step into the River
  • Us Again
  • The Windshield Wiper

Curta-Metragem em Live Action

  • Ala Kachuu – Take and Run
  • Censor of Dreams
  • The Criminals
  • Distances
  • The Dress
  • Frimas
  • Les Grandes Claques
  • The Long Goodbye
  • On My Mind
  • Please Hold
  • Stenofonen
  • Tala’vision
  • Seiva Bruta – Under the Heavens
  • When the Sun Sets
  • You’re Dead Helen

Som

  • Belfast
  • Duna
  • Noite Passada em Soho
  • Matrix Resurrections
  • 007 – Sem Tempo Para Morrer
  • Ataque dos Cães
  • Um Lugar Silencioso: Parte II
  • Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa
  • Tick, Tick… Boom!
  • Amor, Sublime Amor

Leia mais!

Efeitos Especiais

  • Viúva Negra
  • Duna
  • Eternos
  • Free Guy
  • Ghostbusters: Mais Além
  • Godzilla vs. Kong
  • Matrix Resurrections
  • 007 – Sem Tempo Para Morrer
  • Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis
  • Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Confira a lista dos pré-indicados ao Oscar 2022 apareceu primeiro em Olhar Digital.

O protagonista de “The Witcher”, Henry Cavill, vem se aprofundando no mundo dos games. Agora, ele tem uma história favorita para chegar às telonas: “Red Dead Redemption“.

Em entrevista ao GameReactor durante a divulgação da segunda temporada de The Witcher, Cavill, que interpreta Geralt de Rívia, o protagonista da série de livros adaptados para os videogames que ganhou série da Netflix, foi perguntado sobre qual game ele gostaria de ver ser adaptado para uma série ou filme estrelado por ele.

O ator optou pelo clássico western: “Eu comecei a jogar [Red Dead Redemption 2] e eu estou gostando muito mesmo. E então, algo tipo isso é que eu acho que seria divertido transformar num filme.” Ele ainda admitiu não estar tão em dia, visto que o game em questão foi lançado em 2018. “Eu sei que estou um pouco atrasado para essa festa.”

Henry Cavill opta por “Red Dead Redemption” ao dizer qual game gostaria de adaptar. Imagem Divulgação.

Numa entrevista separada, à GamesRadar+, Cavill indicou que o interesse por adaptações de games dele é amplo. Ele disse que “adoraria ter uma conversa” sobre estar na adaptação de “Mass Effect“, mas com um porém: ele comentou que esse interesse dependeria de “como [o estúdio está] executando isso”, adicionando que “o mundo das adaptações pode ser pesado ou leve. Quando eu gosto de um produto, eu prefiro que a adaptação mude menos da fonte, então tudo depende”, disse o ator.

Leia mais!

Não está claro se veremos Henry Cavill na adaptação de algum outro grande sucesso dos games, mas ele pode ser visto na segunda temporada de “The Witcher”, na Netflix.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Henry Cavill diz qual game gostaria de ver virar filme apareceu primeiro em Olhar Digital.

Os cinemas estão registrando recordes muito bem vindos com o novo filme do Homem-Aranha, mesmo com a variante Ômicron se espalhando rapidamente. “Sem Volta Para Casa” superou recordes de bilheteria anteriores em sua primeira noite em algumas das maiores redes de cinema dos EUA.

Esta é uma grande notícia para um mercado cuja existência parecia ameaçada no início da pandemia do coronavírus. Entretanto, ao que tudo indica, o interesse dos cinéfilos ainda não mudou drasticamente em resposta à última variante da Covid-19.

A AMC, maior rede americana de cinemas (ou melhor dizendo, a maior rede de cinemas do mundo), anunciou na sexta-feira (17/12), que cerca de 1,1 milhão de espectadores compareceram à noite de estreia do mais novo filme do aracnídeo. Não só isso, Homem Aranha: Sem Volta Para Casa foi responsável pela noite de estreia de maior bilheteria de um título de dezembro na história da AMC.

Além disso, a AMC diz que o filme foi o segundo título de maior bilheteria em sua noite de estreia de todos os tempos, ficando um pouco abaixo de Avengers: Endgame, que estreou em 2019. A participação do Homem-Aranha nos cinemas internacionais da AMC também foi robusta.

A Cinemark, transnacional especializada em operar complexos cinematográficos multiplex, foi outra mega empresa dos cinemas a sorrir com o personagem do Universo Marvel nas telas. A rede classificou a estreia do filme como a “melhor noite de abertura de todos os tempos”.

Já a Regal Cinemas, segunda maior rede de cinemas dos Estados Unidos, disse que o filme se tornou o segundo maior título de bilheteria de sua história na quinta-feira (16/12) e quebrou recordes para os formatos IMAX, 4DX, ScreenX e RPX. Mooky Greidinger, CEO do Cineworld, “pai da Regal”, afirmou em um comunicado: “estamos tão empolgados quanto nossos espectadores de ver nosso webslinger favorito de volta à tela grande no Regal e gostaríamos de agradecer aos nossos amigos da Sony por oferecerem mais um pilar de sustentação incrível”.

Como será daqui pra frente nos cinemas

Justin McDaniel, vice-presidente sênior de conteúdo global da Cinemark, disse que o número de espectadores que compareceram à estreia “ressalta o valor insubstituível da experiência no cinema, que estamos entusiasmados em continuar a oferecer em colaboração com nossos estúdios parceiros”. Porém, apesar dos ânimos todos e do sucesso alcançado em seus primeiros momentos nas telas, não está claro que efeito a variante Ômicron terá no desempenho do Homem-Aranha daqui para frente.

No Brasil, Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa já fez história nas bilheterias, só com as sessões de pré-estreia da última quarta-feira (15/12). De acordo com informações da Sony Pictures, o longa já é a melhor estreia da história do estúdio no país.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.

O post Homem Aranha estreia muito bem, apesar da Ômicron apareceu primeiro em Olhar Digital.