Neste sábado (3), os dados pessoais de 533 milhões de usuários do Facebook de 106 países foram publicados gratuitamente em um fórum de hackers. Números de telefone, nomes completos, localização, data de nascimento e e-mail estão entre as informações divulgadas.

Um porta-voz do Facebook disse ao Business Insider que os dados são antigos e que já foram repercutidos pela imprensa em 2019, quando uma vulnerabilidade foi detectada e corrigida.

Leia mais…

Uma das séries mais populares da Netflix, Anne with an E é baseada na obra de Lucy Maud Montgomery. No entanto, após três temporadas, a produção foi cancelada sem muitas explicações. 

Contudo, embora a trama de Anne não tenha novos episódios, os espectadores que gostam de dramas de época podem conferir outras produções igualmente interessantes que também estão disponíveis em plataformas de streaming.

Leia mais…

Descobrir e estudar exoplanetas nem sempre têm como objetivo descobrir mundos habitáveis: também pode ser uma maneira de a ciência compreender a evolução do nosso próprio sistema solar e como os planetas se formam. Por isso, o estudo do KELT-9B mantém os astrofísicos ocupados: ele é mais  quente do que 80% de todas as estrelas do Universo (as de classe K e M – laranjas e vermelhas) e, com suas temperaturas que podem chegar a mais de quatro mil graus, detém o título de mais quente exoplaneta conhecido.

“Em essência, gigantes quentes oferecem uma oportunidade incrível de estudar a física em condições ambientais que são quase impossíveis de reproduzir na Terra, ajudando a melhorar os modelos de formação e evolução planetária”, disse o astrônomo Billy Edwards, da University College London (UCL) em um artigo para o site The Conversation.

Leia mais…

Criador do site “Reclame Aqui”, Mauricio Vargas foi vítima da Covid-19 nesta sexta-feira (02). / Imagem: Arquivo Pessoal (Facebook)

Mauricio Vargas, fundador do site “Reclame Aqui”, morreu nesta sexta-feira (02) em decorrência de complicações da Covid-19. O empresário, de 58 anos, estava internado havia mais de uma semana, em São Paulo, onde morava. Na quinta-feira (01), Vargas havia sido submetido à intubação traqueal e não resistiu à doença.

Pai de dois filhos, também era palestrante e consultor de negócios. Atuando no estudo das relações entre o consumo e o novo consumidor, recebeu diversos prêmios no setor empresarial. 

Vargas era o atual presidente da companhia que criou há 20 anos. Em 2001, após perder um voo para uma entrevista de trabalho, o empresário revolucionou ao criar o site para reunir queixas de consumidores sobre produtos e serviços em geral.

Referência para a reputação de marcas no Brasil, o “Reclame Aqui” possibilita que os clientes registrem seus problemas com as mais variadas empresas. Sob o controle da holding Óbvio Brasil, o site oferece serviços gratuitos, tanto para os consumidores postarem suas reclamações quanto para as empresas responderem a elas. 

Prêmio Reclame Aqui

Um dos maiores orgulhos do empresário era o Prêmio Reclame Aqui, criado há 10 anos para premiar as empresas que mais respeitam o consumidor. Na edição 2020, alcançou recorde de participação de público, com 12,2 milhões de votos populares. As inscrições para a edição de 2021 estão abertas no site. O evento está marcado para os dias 6 e 7 de dezembro.

Mauricio Vargas, que completaria 59 anos no próximo dia 25, foi uma das 2.922 vítimas fatais da Covid-19 registradas nesta sexta-feira.

Fonte: Top Mídia News / Reclame Aqui

O post Criador do site “Reclame Aqui” morre de Covid-19 aos 58 anos apareceu primeiro em Olhar Digital.

Força Aérea dos Estados Unidos já trabalha desde o ano passado em parceria com a startup Exosonic para desenvolver uma nova versão do avião presidencial, o Força Aérea 1. A intenção da equipe é de que o transporte do mandatário do país e de toda a alta cúpula seja feita por meio de aviões supersônicos. 

O novo projeto, como é uma tradição presidencial, é bastante luxuoso, com espaço para 31 passageiros e vários detalhes que fazem toda a diferença, como acessórios de quartzo e suítes provadas especialmente projetadas para reuniões ultra secretas. 

“Com este conceito, estamos planejando implementar novas tecnologias que não estão disponíveis hoje ou que você não vê em aeronaves comerciais ou executivas”, declarou Stephanie Chahan, designer de interiores responsável pelo projeto da parte de dentro da aeronave em entrevista para a CNN americana

Leia também: 

O jato supersônico foi projetado para percorrer 5 mil milhas náuticas e deve ser capaz de sobrevoar a Terra com quase o dobro da velocidade do som, mas sem soltar ruídos sônicos ensurdecedores para quem está do lado de fora. A aeronave deve ser capaz de atingir até 2,2 mil km/h, o que é mais que o dobro das aeronaves de passageiro utilizadas atualmente. 

Poderia ser mais rápido

Parte interna do futuro avião presidencial supersônico. Crédito: Exosonic

O projeto original era ainda mais veloz, os projetistas pretendiam que o jato presidencial atingisse Mach 5, que é nada menos que cinco vezes a velocidade do som. No entanto, o barulho atingido quando uma aeronave atinge essa velocidade é quase que insuportável para quem está em terra.

“O baixo boom permite que os viajantes voem em velocidades supersônicas sem gerar estrondos perturbadores para os que estão em terra”, explicou o CEO da Exosonic, Norris Tie.

Mas Joe Biden não será o primeiro presidente a voar no Força Aérea 1 supersônico, já que os planos da Força Aérea são de que uma versão final do novo jato só fique pronta em meados de 2030.

Com informações do Futurism

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Força Aérea americana quer transformar o avião presidencial em supersônico apareceu primeiro em Olhar Digital.

Um sistema de inteligência artificial deve ajudar as autoridades da cidade de Maidstone, no Reino Unido, a identificar e multar motoristas que jogam lixo no chão pela janela dos carros. O projeto foi aprovado pelo Conselho Municipal e implantado já no início de março. 

A tecnologia foi batizada como “Littercam”, que significa câmeras de lixo, e é um trocadilho com lata de lixo, onde a palavra lata é substituída por câmera. As câmeras são de alta resolução e permitem que até mesmo objetos pequenos, como pontas de cigarro possam ser detectados. 

Quando o sistema percebe que algo foi jogado ao chão da janela de um carro, rapidamente ele é contornado o um círculo vermelho. Logo em seguida, é capturada uma foto da placa do veículo. Depois disso, as filmagens são certificadas por uma equipe de agentes de trânsito, caso o a infração seja comprovada, o motorista é multado e recebe a notificação pelo correio

Leia também: 

As multas têm um valor bem salgado, partindo de 90 libras (R$ 710,47) e pode chegar até 120 libras (R$ 947,30) em caso de atraso no pagamento. Neste primeiro momento, as Littercams captam apenas motoristas que atiram lixo no chão, não sendo possível notificar pedestres por meio de reconhecimento facial. 

Outras cidades também querem 

Já no primeiro mês, a quantidade de lixo recolhido em Maidstone subiu cerca de 250%, de acordo com funcionários responsáveis pela coleta de dejetos da cidade. Isso fez com que outros municípios ingleses cogitassem adotar a ideia, como é o caso de Sheffield, no Sul da Inglaterra

A Câmara Municipal da cidade, que é a sexta maior do Reino Unido, está em negociações avançadas com a empresa responsável pelo desenvolvimento do sistema. Em um primeiro momento, a tecnologia seria instalada apenas em alguns estacionamentos e avenidas da cidade como uma espécie de piloto. 

Com informações do UOL e do Yorkshire Live 

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Reino Unido vai usar inteligência artificial para punir motoristas que jogarem lixo no chão apareceu primeiro em Olhar Digital.

Para tentar tornar os aviões mais seguros contra o vírus da Covid-19 (e qualquer outra patologia do tipo), a empresa suíça Uveya está testando uma tecnologia que utiliza robôs com luz ultravioleta (UV) para desinfetar as aeronaves. O objetivo é mostrar para os passageiros que o ambiente foi totalmente limpo antes de fazer uma nova viagem.

Robôs ultraviolenta
Imagem: Dnata Divulgação

A companhia está testando a tecnologia em modelos da Helvetic Airways e os robôs são capazes desinfetar completamente aviões de um corredor em 13 minutos usando ultravioleta.

Veja também!

“É uma tecnologia bem antiga, mas bem perigosa. Por isso queremos tirar o trabalhador do alcance da luz. Por isso fizemos um robô, porque há algumas soluções quando você está perto da luz, mas isso é perigoso. Então, nós tivemos que fazer um sistema realmente autônomo”, disse o cofundador da Uveya, Jodoc Elmiger.

Robôs com ultravioleta

“Nós o ligamos, deixamos a máquina para fazer a desinfecção em todo o avião e, então, ela para automaticamente, para o trabalhador não estar em contato com a máquina. Também verá se não há nenhum resquício, nem químico. Logo, isso também é muito importante para o viajante, saber que tem um local seguro e que não há resíduos químicos nos assentos, em lugar algum”, completou ainda.

“Esta é uma tecnologia comprovada, usada há mais de 50 anos em hospitais e laboratórios, é muito eficiente”, disse Elmiger também. “Não deixa nenhum vestígio ou resíduo,” finalizou.

A Dnata, empresa de serviços aeroportuários que também participa dos testes com a Uveya, planeja vender os robôs com ultravioleta para aviões e outros ambientes por 15.000 francos suíços (algo na faixa de R$ 90 mil). “Estávamos procurando uma solução sustentável e ecologicamente correta para atender a essas solicitações”, disse Lukas Gyger, diretor de operações da Dnata na Suíça.

O robôs possuem luzes montadas em forma de crucifixo e lançam o ultravioleta em uma luz suave nos aviões. Lentamente os aparelho avançam dentro da aeronave até o fim do corredor. O processo não deve demorar mais de 13 minutos por compartimento em modelos de médio porte e desinfeta completamente o ambiente.

Via Reuters

O post Robôs usam luz ultravioleta para desinfetar aviões contra a Covid-19 apareceu primeiro em Olhar Digital.

Depois de uma seca nos três primeiros meses de 2021, a temporada de chuva de meteoros está de volta com a Líridas, que está prevista para começar dia 15 de abril e atingirá o pico na virada do dia 21 de abril até as primeiras horas da manhã de 22 de abril, de acordo com a American Meteor Society.

O fenômeno é causado por uma nuvem de detritos do Cometa Thatcher (C/1861 G1), que foi visto pela última vez no século 19 e não passará pelo sistema solar novamente por mais de dois séculos. A cada ano, porém, a Terra passa pela poeira.

A chuva de meteoros Líridas não produz muitos meteoros, média de 10 a 15 por hora, mas é mais propensa a ter mais bolas de fogo brilhantes do que outras chuvas importantes. A cada poucas décadas acontece uma explosão durante as Líridas que aumenta a taxa para cerca de 100 meteoros por hora. Não está previsto que isso aconteça em 2021, mas este fenômeno é difícil de ser previsto.

Leia mais:

Segundo o Cnet, este ano, como a lua estará mais de dois terços cheia no pico das Líridas, provavelmente será melhor tentar ver o show antes do amanhecer e depois que a lua se põe.

Para assistir ao espetáculo, o ideal é sempre tentar ficar o mais longe possível da poluição e encontrar um local como um campo aberto ou topo de colina com uma visão ampla e desobstruída do céu noturno.

Chuva de meteoros Líridas registrada em 2012 pelo astronauta Don Pettit a bordo da Estação Espacial Internacional. Créditos: Nasa
Chuva de meteoros Líridas registrada em 2012 pelo astronauta Don Pettit a bordo da Estação Espacial Internacional. Créditos: Nasa

Brasileiros descobriram chuva de meteoros de um perigoso asteroide

Pesquisadores brasileiros ligados à Bramon (Rede Brasileira de Observação de Meteoros) descobriram uma chuva de meteoros associada ao Asteroide 2019 OK, o mais perigoso asteroide descoberto também por brasileiros. O feito, anunciado previamente em uma live no Canal AstroNeos, foi oficializado no dia 15 de setembro de 2020 pela União Astronômica Internacional.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Chuva de meteoros Líridas está prevista para começar dia 15 de abril apareceu primeiro em Olhar Digital.

Como qualquer outro serviço, o WhatsApp está suscetível a falhas, como a que aconteceu na última sexta-feira (19). Isso certamente faz com que uma dúvida paire no ar: é o aplicativo mesmo ou a minha internet? Nesta matéria, ensinamos a usar algumas ferramentas para identificar se o mensageiro realmente passa por alguma instabilidade.

Caso esteja desconfiado que o serviço caiu, você pode recorrer a algumas ferramentas que estão disponíveis na rede, ou mesmo utilizar um outro recurso a seu favor: as redes sociais.

Leia mais…

Resident Alien, série de comédia dramática do Syfy, terminou a exibição de sua 1ª temporada na noite desta quarta-feira (31). Contudo, algumas dúvidas foram deixadas pela produção, que já foi renovada para uma 2ª temporada

Dessa forma, Chris Sheridan, showrunner e produtor executivo, em entrevista ao Den of Geek, explicou alguns detalhes ao público sobre o que aconteceu no final do último episódio e também o que vem por aí na série.

Leia mais…