O anúncio de que a quarta temporada de ‘Star Trek: Discovery’ iria estrear apenas nos Estados Unidos e no Canadá causou uma grande irritação aos fãs da série. Assim, ficou decidido que a produão vai chegar no mundo todo no serviço de streaming Paramount+.

A escolha inicial aconteceu porque a plataforma ainda não tinha abrangência em mais países. Isso fez com que as três primeiras temporadas fossem transmitidas internacionalmente em diferentes streamings pelo planeta. Com a mudança no mercado e aumento na operação do Paramount+, o cronograma foi alterado.

Leia mais:

Com razão, os fãs de ‘Star Trek: Discovery’ reclamaram do lançamento nos dois países da América do Norte no dia 18 de novembro e para o resto do mundo apenas até o início de 2022. As redes sociais foram inundadas de pessoas revoltadas, fazendo com que a Paramount mudasse a data internacional.

Os espectadores ganharam acesso, então, uma semana depois em outros 30 países. Alguns em acordos ráidos com a Pluto TV. O que não se sabe ainda é se a Paramount+ vai manter os episódios nas outras plataformas ou se vai passar a hospedá-los depois.

celular com o serviço paramount + paramount plus
No Brasil, a série pode ser vista na Paramount+. Imagem: Shutterstock

“A todos os fãs de International ‘Star Trek: Discovery’: nós os ouvimos. Nós também amamos essa série. Nós o amamos pelo elenco incrível, a equipe trabalhadora, a narrativa criativa, os personagens inovadores e diversos que dão vida ao show e o que ele representa para tantas pessoas ao redor do mundo. ‘Star Trek’ sempre colocou seus fãs em primeiro lugar. Queremos fazer o mesmo”, diz o comunicado da CBS.

Austrália, Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Dinamarca, República Dominicana, Equador, El Salvador, Finlândia, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Noruega, Panamá, Paraguai, Peru, Suécia, Uruguai e Venezuela receberam no dia 26 de novembro, pela Paramount+. Áustria, França, Alemanha, Itália, Espanha, Suíça e Reino Unido ficaram com a Pluto TV.

Via: /Film

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Quarta temporada de ‘Star Trek: Discovery’ chegará em todo o mundo apareceu primeiro em Olhar Digital.

O Universo Cinematográfico Marvel (MCU) passa a juntar mais pedaços. Agora, o terceiro episódio da série ‘Gavião Arqueiro‘, do Disney+, indicou o retorno do Rei do Crime, vilão de ‘Demolidor’, série também do MCU, mas na Netflix. E não custa avisar logo que este texto pode conter spoilers para quem está atrasado no seriado.

No capítulo, a série revelou que Wilson Fisk, o Rei do Crime, interpretado por Vicent D’Onofrio, é “tio” de Maya Lopez, conhecida como Echo, papel de Alaqua Cox. A revelação apareceu de maneira muito breve, em um flashback da infância de Maya.

Leia mais:

Logo no começo do episódio de ‘Gavião Arqueiro’, é mostrado que Maya, apesar da deficiência auditiva, era destaque nos estudos e no caratê, “ecoando” perfeitamente os movimentos e habilidades de outras pessoas. O pai dela precisou ir embora e disse que o “tio” a levaria para casa.

Mesmo sem rosto, a silhueta e a risada indicam o personagem interpretado por D’Onofrio. Com o pai lutando pela vida, ela se juntou aos vilões da Tracksuit Mafia.

O Rei do Crime do MCU é interpretado por Vicent D’Onofrio. Imagem: Netflix/Reprodução

O retorno do personagem é um alento aos fãs de ‘Demolidor’, cancelada pela Netflix. Havia uma preocupação de que a produção da plataforma de streaming concorrente não fizesse mais parte do canône do MCU e que aconteceria um rebot dos personagens.

A série ‘Gavião Arqueiro‘ estreou no dia 24 de novembro, com dois episódios disponibilizados no Disney+. A cada quarta-feira, mais um capítulo é liberado, totalizando seis. Jeremy Renner interpreta Clint Barton, o personagem título, e Hailee Steinfeld é Kate Bishop.

Via: ScreenRant

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Retorno do Rei do Crime foi revelado em ‘Gavião Arqueiro’ apareceu primeiro em Olhar Digital.

Apesar da empresa registrar lucro recorde no último trimestre, a produtora de jogos CD Projekt Red afirmou em relatório financeiro que a loja digital GOG (Good Old Games) teve prejuízo de US$ 2,21 milhões (R$ 12,48 milhões).

A GOG.com é um marketplace digital especializado na venda de games clássicos a preços competitivos para entusiastas dos jogos para PC. Segundo o CFO, Piotr Nielubowicz, “mudanças organizacionais” serão feitas dentro da plataforma.

Leia também

Apesar de ofertas atraentes, a loja de jogos clássicos para PC GOG.com não teve bom desempenho, registrando prejuízo no último trimestre (Imagem: CD Projekt Red/Reprodução)

“No que tange à GOG, o seu desempenho representa um desafio, e recentemente tomamos algumas medidas para aprimorar sua posição financeira”, disse Nielubowicz. “Antes de mais nada, decidimos que a GOG deverá se concentrar mais em sua atividade principal, que é a oferta de jogos especificamente selecionados dentro de sua filosofia livre de ‘DRM’. A fim de alinharmos essa abordagem, vamos promover mudanças na estrutura de sua equipe”.

“DRM” é a sigla em inglês para “Digital Rights Management” (“Gestão de Direitos Digitais”, na tradução literal). Trata-se de uma forma de impedir a pirataria de jogos e outras mídias por meio de implementação tecnológica. Algumas empresas usam métodos mais óbvios, como exigir conexão online constante para verificação de autenticidade do jogo.

Outras são mais criativas: em Serious Sam 3: BFE (Croteam/Devolver Digital), caso o sistema de checagem identifique a cópia como pirata, o jogo tem seu gameplay alterado para uma dificuldade excessivamente punitiva, além de introduzir um inimigo específico – um escorpião gigante, invencível, com velocidade acelerada, força desproporcional e duas metralhadoras giratórias de munição infinita.

Voltando à CD Projekt Red, apesar do mau desempenho da GOG, a empresa polonesa divulgou crescimento generalizado, fechando o trimestre com US$ 34,7 milhões (R$ 195,93 milhões) – um aumento de 38% em relação ao mesmo período em 2020. Esse sucesso, segundo a companhia, se deu pelas vendas de Cyberpunk 2077 (sim, apesar dos bugs horrorosos, lançamento bagunçado e updates de correção massiva que corrigiram bem pouco) e a franquia Witcher, cujo lançamento mais recente veio em maio de 2015 (Witcher 3: Wild Hunt).

A GOG foi originalmente lançada em 2008, com a premissa de vender jogos antigos sem a proteção de direitos digitais. Ela atraiu muita atenção no marketplace digital por oferecer preços bastante competitivos, além de rodar promoções que barateavam ainda mais jogos clássicos. Ao longo dos anos, ela também passou a oferecer lançamentos – da CD Projekt Red e de outras produtoras – com promoções próprias.

Ela nunca competiu diretamente com a Steam ou a Epic Games Store, mas é constantemente lembrada pelos fãs dos jogos de PC por trazer um catálogo com diversas raridades que, de outras formas, seriam bem difíceis de encontrar.

“Além de todas essas mudanças que já iniciamos na organização das operações da GOG, acreditamos que todas essas alterações permitirão à GOG um foco maior em seus negócios essenciais para melhorar sua eficácia financeira em 2022”, disse Nielubowicz.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Loja de jogos GOG, da CD Projekt Red, teve prejuízo acima de US$ 2 milhões apareceu primeiro em Olhar Digital.

Com previsão de lançamento no Brasil para o fim de 2022, o novo Volkswagen Jetta GLI passará por uma ampla reestilização antes de chegar ao país.

De acordo com a montadora alemã, o sedã teve os dutos redesenhados para que faça mais barulho. Segundo o executivo da VW no EUA, Hein Schafer, em depoimento ao site Quatro Rodas, os ajustes no som provêm de “partes mecânicas aprimoradas, sem barulho falso”. Por aqui, o novo Jetta virá equipado com um motor 2.0 de 230 cavalos com câmbio Tiptronic de seis marchas.

No visual, o Jetta teve ajustes na grade, agora em formato de colmeia e com feixes de LEDs para iluminar a entrada de ar, e nos faróis, que ganharam DRLs (luzes de circulação diurna, na sigla em inglês). Os para-choques frontais e traseiros, bem como os difusores e escapes, receberam adaptações, como novas configurações e aumento de tamanho.

Internamente, o sedã de quatro portas segue com a mesma combinação da geração anterior — a exceção fica para os bancos, agora alinhados com a marca GLI. Além disso, o novo Jetta GLI terá acesso à automação veicular leve e internet.

Volkswagen Jetta GLI
Imagem: Volkswagen/Divulgação

Crise de semicondutores atrasa lançamento

Embora o veículo já esteja passando por testes no Brasil, a Volkswagen só deve lançar o Jetta por aqui no fim do ano que vem. Isso se deve à crise de semicondutores que, recentemente, paralisou a produção da fabricante alemã em São José dos Pinhais, no Paraná — onde é feito o T-Cross, o modelo mais vendido da VW no país — e em São Bernardo do Campo, em São Paulo.

Por conta dessas baixas, a montadora crê que o clima no segundo semestre de 2022 estará mais ameno para os carros irem para a linha de montagem. Ainda não se sabe por quanto o novo Jetta GLI será vendido no Brasil. Nos EUA, o carro sai por US$ 20,2 mil (em torno de R$ 114 mil, sem taxas de importação).

Imagem: Volkswagen/Divulgação

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Novo Jetta GLI será adaptado no Brasil para fazer mais barulho apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Mini, fabricante britânica responsável pelo famosíssimo Mini Cooper, anunciou hoje a Shadow Edition, uma versão exclusiva do modelo elétrico S E Countryman voltado exclusivamente para o mercado brasileiro. O modelo faz parte de uma série especial que perpassa todos os automóveis da marca e, até então, era exclusiva para o Reino Unido.

O veículo, com produção total de apenas 30 unidades, chegará importado diretamente da Europa em um jogo de cores único — preto “midnight” em contraste com cinza-claro “melting” — e com uma série de detalhes exclusivos para a versão. O nome da edição no teto, bem como grafismos no para-lama dianteiro, no painel e na soleira das portas completam os diferenciais no visual da Shadow Edition.

Imagem: Divulgação/Mini

Debaixo do capô, o Mini Cooper possui um trem de força com dois motores — o primeiro, um TwinPowerTurbo de três cilindros, totalizando 1.499 cilindradas. O segundo, um motor elétrico que complementa o funcionamento.

Ao todo, este esquema faz o minicarro rodar com 224 cv de potência e 39,25 kgfm de torque assim que chega aos 1.300 rpm, com tração nas quatro rodas e câmbio automático Steptronic de seis marchas.

Shadow Edition possui som Hi-Fi e integração inteligente

Imagem: Divulgação/Mini

O sistema de tecnologia de bordo e infoentretenimento do Mini Cooper Shadow Edition também também vêm carregado de novidades, como o sistema de som Hi-Fi (alta fidelidade) Harman Kardon. Na pilotagem, um HUD digital, junto a uma tela de 8,8 polegadas, sensível ao toque, e um software de navegação próprio fornecem assistência de trânsito e informações de tráfego em tempo real. O usuário ainda pode usar integração com Apple CarPlay.

As funções smart da edição limitada incluem serviços de conectividade, faróis full-LED direcionais, e outras informações via app compatível com Android e iOS. O programa dedicado permite ao usuário encontrar o carro via GPS, por exemplo, ou ainda trancar e destrancar a porta.

O Mini Cooper S E Countryman Shadow Edition chegará ao mercado por R$ 299.990.

Imagem: Divulgação/Mini

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Mini lança Shadow Edition, versão limitada do Cooper SE Countryman exclusiva no Brasil apareceu primeiro em Olhar Digital.

A Warner Bros. Themed Entertainment anunciou que, a partir de 2022, fãs da série Game of Thrones poderão conhecer o set de filmagens — incluindo cenários, adereços, figurinos e muito mais — em uma experiência única no Linen Mill Studios em Banbridge, Irlanda do Norte. 

Previsto para ocorrer no final de 2020, o Game of Thrones Studio Tour sofreu adiamentos devido à maioria dos projetos em fase de desenvolvimento terem sofrido impactos em seus cronogramas por conta das restrições da covid-19. 

Leia mais…

Recursos inéditos para facilitar as pesquisas por serviços de saúde nos Estados Unidos estão chegando ao Google a partir desta quinta-feira (2). Com as novidades, a gigante das buscas quer auxiliar melhor as pessoas que estejam à procura de algum tipo de atendimento.

Uma das ferramentas é relacionada aos seguros de saúde, exigidos na hora de dar entrada em um hospital ou clínica particular. Ao usar o Google para pesquisar por um médico nos EUA, o internauta agora pode verificar, nos resultados, quais convênios são aceitos pelo profissional que ele deseja marcar uma consulta.

Leia mais…

A adaptação para live-action de Cowboy Bebop chegou na Netflix com reações mistas de fãs e críticos. Apesar disso, o elenco já está sendo questionado sobre uma possível 2ª temporada. Para o protagonista John Cho, responsável por viver Spike, os próximos episódios devem ser “mais estranhos e realistas”.

O ator também comentou que espera que seu personagem tenha mais momentos de felicidade. Mas, acima de tudo, ele afirmou que gostaria de episódios com mais eventos inesperados.

Leia mais…

A tecnologia 5G deu seus primeiros passos no Brasil através da homologação do leilão das frequências, mas a perspectiva é de que o espectro de quinta geração responda por quase metade (49%) de todas as conexões móveis em serviço no mundo já em 2027. Ou seja, a novidade pode alcançar liderança global entre as tecnologias voltadas para redes de celulares dentro de seis anos.

A previsão faz parte da edição mais recente do tradicional Ericsson Mobility Report. A fabricante de equipamentos de telefonia sueca afirma que, de 2021 até 2027, a base mundial de 5G terá um crescimento de quase sete vezes, passando das atuais 660 milhões para 4,4 bilhões de conexões.

Leia mais…

Recentemente, segundo Eric Kripke, showrunner de The Boys, diversos episódios da 3ª temporada da produção do Amazon Prime Video serão dedicados a contar mais detalhes sobre a história da Vought International, empresa por trás do grupo de heróis encabeçados por Homelander (Antony Starr).

Além disso, durante uma entrevista especial à equipe do Illuminerdi, ocorrida pouco tempo antes do início do Saturn Awards deste ano, ele também afirmou que, junto do Soldier Boy (interpretado por Jensen Ackles), há mais personagens novos que, certamente, poderão surpreender os fãs.

Leia mais…