A Tesla pode ter solicitado uma encomenda gigantesca de 45 GWh de células de bateria de fosfato de ferro e lítio (LFP) da fabricante chinesa Contemporary Amperex Technology Co. Limited (CATL). Os rumores de agora vão na linha de uma indicação feita por Elon Musk no começo do ano, sobre sua empresa estar estudando a mudança do material usado nas baterias de seus carros elétricos.

Segundo o CEO, a alteração seria do níquel para o LFP, motivada por conta da alta nos preços do material no mercado. Na China, os carros de alcance padrão Tesla Model 3 e Model Y já estão sendo produzidos com células de fosfato de ferro e lítio.

Baterias desse material são tradicionalmente mais baratas e seguras. Entretanto, elas são de um tipo inferior, que oferece menos densidade de energia. Em outras palavras, fornecem menos eficiência e menor alcance para veículos elétricos.

Baterias para produção de 700 a 800 mil veículos Tesla

O uso do LFP nos carros de baixo custo da Tesla faria com que as baterias de íons de lítio ficassem disponíveis para os modelos mais caros da marca. Ao que tudo indica, a fabricação do LFP melhorou o suficiente recentemente e faz sentido usar as baterias sem cobalto em veículos mais baratos e de menor alcance.

De acordo com um relatório da China, a Tesla reservou 45 GWh de baterias de LFP da empresa líder de baterias elétricas CATL, visando o plano de vendas da empresa americana do próximo ano. Principalmente para os veículos Model 3 e Model Y, com uma quantidade suficiente de células para produzir entre 700 mil e 800 mil carros, dependendo do mix de modelos da linha padrão.

O relatório aponta para conversas contínuas entre a Tesla e a CATL para novos contratos de fornecimento de baterias. Ainda segundo as informações, a Tesla pode ter garantido células de bateria suficientes para produzir cerca de 1,5 milhão de veículos em 2022.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.

Imagem: Vitaliy Karimov/Shutterstock

O post Tesla parece ter encomendado bateria inferior e mais barata para novos carros apareceu primeiro em Olhar Digital.

Alec Baldwin conversou pela primeira vez com paparazzi sobre o acidente fatal envolvendo Halyna Hutchins, diretora de fotografia de seu último filme ‘Rust’. A entrevista ocorreu em tom informal na beira de uma estrada em Manchester, Vermont. Na ocasião, o ator estava acompanhado de Hilaria Baldwin, sua esposa, e seus filhos o aguardavam no carro.

Baldwin disse não poder falar sobre qualquer detalhe do assassinato de Halyna no set de filmagens. “Não tenho permissão para fazer nenhum comentário porque é uma investigação em andamento”, disse aos reunidos.

A morte da diretora de fotografia ocorreu durante o ensaio de uma cena em que Baldwin apontava uma arma cenográfica para a câmera, segundo a investigação. Halyna, de 42 anos, morreu no local. O diretor do filme, Joel Souza, de 48 anos, foi ferido no ombro.

A diretora de fotografia Halyna Hutchins, morta após tiro disparado por Alec Baldwin. Imagem: Instagram/Reprodução

Apesar de não poder dar detalhes do ocorrido, ele fez questão de dizer algumas coisas sobre Halyna no vídeo postado no site do TMZ neste sábado (30). “Ela era minha amiga. No dia em que cheguei a Santa Fé para começar a filmar, levei-a para jantar com o diretor Joel”, explicou.

Neste momento da entrevista, sua esposa tentou interrompê-lo enquanto acenava com a cabeça ‘não’. Mas, o ator pediu licença e seguiu falando: “Éramos uma equipe muito bem entrosada filmando um filme juntos e então esse evento horrível aconteceu”.

No momento seguinte da entrevista, a esposa de Baldwin ficou chateada e repreendeu um entrevistador que esqueceu o nome de Halyna Hutchins. “O nome dela é Halyna. Se você está gastando tanto tempo esperando por nós, você deveria saber o nome dela”, irritou-se.

Hilaria voltou a interromper a entrevista quando perguntaram como tinha sido o encontro de Baldwin com o marido e o filho de Halyna. Mas, dessa vez, o ator pediu para ela não fazer isso, que ele iria responder algumas perguntas.

Baldwin revelou que não saberia definir como foi o momento. “O cara está dominado pela dor. Ocorrem acidentes acidentais em sets de filmagem de tempos em tempos, mas nada parecido com isso. Este é um episódio em um trilhão”, explicou.

alec baldwin
Alec Baldwin mata cinegrafista acidentalmente com disparo de arma cenográfica. Imagem: Instagram/Reprodução

“O que eu sei é que o esforço em progresso para limitar o uso de armas de fogo em sets de filmagem é algo em que estou extremamente interessado”, disse Baldwin.

Leia também:

O ator enfatizou ainda que nos últimos 75 anos nos Estados Unidos houve poucos acidentes com armas usadas durante a gravação de filmes e programas de TV e que na ocorrência de uma catástrofe, como a que ele testemunhou, novas medidas devem ser tomadas, incluindo a possibilidade de usar armas de borracha ou plástico.

“Não cabe a mim decidir. É urgente que você entenda que não sou um especialista neste campo. Então, o que quer que as outras pessoas decidam que é a melhor maneira de fazer em termos de proteção das pessoas em sets de filmagem, eu sou totalmente a favor e cooperarei com isso da maneira que puder”.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Alec Baldwin fala sobre morte de Halyna Hutchins em entrevista inédita apareceu primeiro em Olhar Digital.

O presidente americano, Joe Biden, está propondo até US$ 1.500 (quase R$ 8.454 em conversão direta deste sábado, 30) de crédito fiscal reembolsável para quem for comprar uma e-bike. O projeto de lei chamado Build Back Better (algo como “reconstruir melhor”) consiste em oferecer até 30% do valor da bicicleta elétrica, desde que ela custe até US$ 8 mil (cerca de R$ 45 mil) e o valor do crédito não ultrapasse os US$ 1.500.

Com a proposta, o governo dos EUA pretende deixar as e-bikes significativamente mais baratas para a maioria dos americanos. Por sua vez, um maior número de bicicletas elétricas em uso no país pode significar uma mudança importante nas opções de transporte para milhões de pessoas.

Diminuir valor das e-bikes para diminuir emissões

Todas as classes de e-bike com potência menor que 750 W seriam elegíveis para o crédito fiscal. Levando em consideração as limitações de valores, o crédito de 30% começa a diminuir para bicicletas elétricas com preço acima dos US$ 5 mil. Nos EUA (e também no Brasil), as e-bikes são bem mais caras que as bicicletas normais. Lá, elas custam normalmente entre US$ 1 mil e US$ 8 mil.

A ideia busca explorar o potencial das bicicletas como substitutas dos carros em diversas situações, o que pode ajudar o país a fazer progressos reais na luta contra as mudanças climáticas. Só para termos uma ideia, um estudo recente apontou que, se 15% das viagens de carro fossem feitas por e-bike, as emissões de carbono cairiam 12%.

A administração Biden afirma que tem havido negociações no Congresso nesse sentido. O presidente americano está confiante na aprovação do projeto na Câmara dos Representantes e no Senado, assim como de seu pacote de infraestrutura que também deseja passar.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.

Imagem: Moreimages/Shutterstock

O post Biden propõe crédito de até US$ 1.500 para quem comprar e-bike apareceu primeiro em Olhar Digital.

O Brasil teve 232 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com números atualizados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e pelo Ministério da Saúde neste sábado (30).

Confira os números atualizados no Brasil:

  • 232 óbitos nas últimas 24 horas;
  • 10.693 casos confirmados nas últimas 24 horas;
  • 607.694 mortes acumuladas;
  • 21.804.094 casos confirmados no total.

Vacinação

De acordo com dados do Ministério da Saúde, mais de 274 milhões de doses foram aplicadas até o momento no Brasil. Dessas, mais de 119 milhões já receberam as duas doses ou dose única das vacinas aplicadas no Brasil: Coronavac, Pfizer, AstraZeneca e Janssen.

Alguns públicos considerados mais vulneráveis a casos graves da Covid-19, como a população maior de 60 anos, imunossuprimidos e profissionais de saúde, estão recebendo uma terceira dose de vacinas.

A Covid-19 no Brasil

Desde que chegou ao país, o novo coronavírus se espalhou rapidamente. Em 16 de junho de 2020, menos de um mês depois de atingir um milhão de casos confirmados de covid-19, o Brasil registrou mais de dois milhões de infectados.

Em 8 de julho, entretanto, um milhão de pessoas já haviam se recuperado da doença. Atualmente, o Brasil é o segundo país com mortes registradas pela Covid-19, em números absolutos, atrás apenas dos EUA.

Leia mais:

Covid-19: situação no mundo

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, o novo coronavírus já infectou mais de 246 milhões de pessoas em todo o mundo. O marco é alcançado 21 meses após seu surgimento na cidade chinesa de Wuhan. O número de mortos por Covid-19 no mundo já ultrapassou 4,9 milhões.

Impacto regulatório

A InteliGov, startup de monitoramento parlamentar, criou um site de monitoramento automático do Diário Oficial da União (DOU) e do Legislativo (federal, estadual e municipal) em tempos de crise. Com a ferramenta, é possível verificar todas as menções ao novo coronavírus no DOU.

Especializada em automação de monitoramento de informações governamentais, a startup atualiza automaticamente as informações a cada hora, no caso do DOU, e diariamente quanto às iniciativas do Legislativo. Todo o material disponível é gratuito e está dividido em duas categorias: “publicações na imprensa oficial” e “proposições legislativas”.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Covid-19: Brasil tem 232 mortes nas últimas 24 horas; total ultrapassa 607 mil apareceu primeiro em Olhar Digital.

O próximo jogo da Marvel será desenvolvido em parceria com a empresa Skydance New Media, uma divisão interativa da Skydance Media, dirigida por Amy Hennig. A premiada diretora e roteirista americana de jogos eletrônicos é quem escreveu a série ‘Legacy of Kain‘ e os três primeiros jogos da série ‘Uncharted‘, desenvolvido pela Naughty Dog.

Esta é a primeira iniciativa do novo estúdio de jogos AAA (títulos de grande orçamento), formado por Hennig e o veterano da Electronic Arts, Julian Beak. Com a Marvel, está sendo planejado um jogo de ação e aventura blockbuster baseado em narrativas, apresentando uma história totalmente original e com um personagem Marvel ainda não anunciado.

Universo Marvel é perfeito para uma experiência interativa

Hennig, que também é redatora do título Forspoken, da Square Enix (que deve ser lançado no segundo trimestre de 2022), está animada com a parceria com a Marvel. Segundo a roteirista, o Universo Marvel “resume toda a ação, mistério e emoção do gênero pulp adventure” que ela adora, se prestando perfeitamente a uma experiência interativa.

“É uma honra poder contar uma história original com toda a humanidade, complexidade e humor que tornam os personagens da Marvel tão duradouros e permitir que nossos jogadores incorporem esses heróis que amam”, disse Hennig.

Pela parte da Marvel, Jay Ong diz que Amy tem definido o padrão para jogos de aventura narrativa por décadas. O vice-presidente executivo e chefe da Marvel Games afirma que a ambição e visão da diretora para criar entretenimento inovador usando o Marvel IP eram óbvias desde o primeiro encontro entre eles.

Ong diz que eles estão ansiosos para compartilhar mais com os fãs da Marvel quando for a hora certa. Inclusive com relação ao personagem que estará presente no próximo jogo AAA (há uma certa expectativa de que seja o Demolidor). A parceria promete experiências com muita fidelidade e interação para plataformas tradicionais e serviços de streaming emergentes e acessíveis a um público global.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.

O post Marvel faz parceria com Amy Hennig, de ‘Legacy of Kain’ e jogos da série ‘Uncharted’ apareceu primeiro em Olhar Digital.

Todo sábado, o TecMundo e o #AstroMiniBR reúnem cinco curiosidades astronômicas relevantes e divertidas produzidas pelos colaboradores do perfil no Twitter para disseminar o conhecimento dessa ciência que é a mais antiga de todas!

Um voo noturno sobre a Itália do espaço!

Dando uma volta na Terra a cada 90 minutos, a ISS completa cerca de 16 órbitas por dia. Em 24h, sua tripulação passa por uma sequência de 16 dias e noites, vendo coisas como as do registro abaixo!#AstroMiniBRpic.twitter.com/9Amg2ZTq7N

Leia mais…

Você tirou aquela foto perfeita em uma concorrida atração turística, mas só depois percebeu que uma horrorosa lixeira apareceu no fundo. Fique tranquilo, porque para “consertar” a imagem não é preciso ter conhecimento avançado ou acesso a programas de edição de imagens como o Photoshop, que tem a função Clone Stamp.

É possível retirar um objeto ou uma pessoa de forma fácil e grátis com uma ferramenta online de inteligência artificial (IA) que funciona de maneira semelhante — ainda que com uma função diferente — ao removedor de background. O responsável pela operação “mágica” é o CleanUp.Pictures, uma aplicação baseada em um novo método chamado grande máscara de pintura (LaMa, na sigla em inglês) desenvolvido no laboratório de IA da Samsung.

Leia mais…

A Steam deu início, na última quinta-feira (28), à “Promoção do Dia das Bruxas”, um saldão de descontos com jogos até 80% mais baratos. São centenas de games de PC com preços especiais, dentre eles The Witcher 3, Red Dead Redemption 2 e F1 2021.

Os descontos podem ser aproveitados até 1° de novembro, na próxima segunda-feira. Veja, a seguir, a relação que o Voxel preparou com algumas das melhores ofertas. Para acessar o catálogo completo, acesse o site oficial.

Leia mais…

The Walking Dead, atualmente em sua 11ª temporada, é uma das principais séries de zumbis da história e, ao longo dos mais de 150 episódios, há uma coleção de frases incríveis ditas pelos personagens.

Existem aquelas engraçadas, tristes ou que marcam um momento importante no seriado e nós, do Minha Série, separamos as 10 melhores nesta lista. Confira!

Leia mais…

A Microsoft publicou nesta quinta-feira (28), no Blog do Microsoft Edge, uma série de novidades que farão do navegador uma peça imprescindível na utilização do pacote de produtividade Microsoft 365. 

Escrita pelos gerentes de programa do navegador da Microsoft, Deb Dubrow e Sean Lyndersay, a postagem lembra que “milhões em todo o mundo já contam com os aplicativos de produtividade do Microsoft 365 e o Microsoft Edge como parte de seu fluxo de trabalho diário”. O que os executivos prometem, nos próximos seis meses, é tornar essa experiência entre os dois “mais harmoniosa”.

Leia mais…